terça-feira, 17 de novembro de 2009

Dúvidas do Cid


O leitor Cid nos pergunta como poderia obter maior cremosidade no espresso feito em sua recém-adquirida Moka, ou Machinetta, com o café Segafredo.

Primeira providência é trocar de marca de café. Tente as marcas Arte, Eurídice, Orfeu ou Cristina, que são cafés especiais e com enorme controle de qualidade. Esse café que você utilizou não é considerado especial ou sequer mediano. As marcas que citei podem ser compradas em boas cafeterias, como a Eldorado e a Grenat.

A crema do espresso tem a ver com a qualidade do grão e a sua "idade". Um café verde novo (colhido há pouco tempo) e torrado há mais ou menos duas semanas, é o que produz mais crema. Assim, fique atento às datas de torra e de validade na embalagem. O café precisa descansar uns 15 dias depois de torrado e os chamados especiais jamais saem de estoques reguladores com 6 ou 8 anos.

Cid também pergunta o que é o cardamomo sugerido nas dicas. Antes de mais nada, atente para o uso dessa especiaria apenas no café coado. Não utilize dentro da sua Moka ou outra máquina de espresso. Nesse caso, o tempero deve ser acrescentado na xícara.

O cardamomo é uma planta da família do gengibre e é muito utilizado na culinária indiana. Tem folhas grandes, flores brancas e frutos secos de cor esverdeada ou branca contendo sementes negras bastante aromáticas e de sabor picante. Foi levada da Índia para a Europa por Alexandre o Grande, onde vem sendo utilizada na culinária e para fins terapêuticos.

O hábito de adicionar as sementes em pó ao café é muito difundido nos países árabes e na Índia.

O cardamomo é facilmente encontrado em bons supermercados e delicatessen Use apenas uma pitada (a mínima porção que fica presa entre os dedos indicador e o polegar), pois em altas doses pode provocar vômitos. As sementes também têm propriedades anti-sépticas, digestivas, diuréticas, expectorantes e laxantes.

Um comentário:

Cid disse...

Agradeço as explicações. E com certeza continuo de olho no site. Parabéns pelo trabalho mais uma vez.